Dias. Assim.

Dias. Assim.

15 de Novembro, 2021 0 Por Rita Leston

Dias em que apetece calar o mundo. Baixar o volume de tal forma para que ele não faça qualquer som, nem te devolva qualquer eco.

Dias em que te apetece parar o mundo. Dizer para ele parar de rodar, colocá-lo em pausa e fazer com que nada, nem ninguém se mova.

Dias em que te apetece fugir do mundo. Esconder-te debaixo de um manto que te torne invisível e que não se faça notar a tua existência.

Dias em que te apetece ser apenas uma almofada do sofá, ali jogada a um canto e a que ninguém liga. Ou uma planta, no canto da sala. Quieta. Surda. Calada.

Dias.
Dias assim.

Rita Leston. E Então?

o